Terça-feira, 18 de janeiro de 2022
informe o texto
Menu

Notícias  /   Polêmicas

​Emanuel propõe criar Dia do Perdão na data em que voltou ao comando de Cuiabá

​Emanuel propõe criar Dia do Perdão na data em que voltou ao comando de Cuiabá

Foto: Davi Valle / Prefeitura de Cuiabá

Emanuel Pinheiro (MDB), prefeito de Cuiabá, quer fazer da data em que retornou ao cargo, 26 de novembro, o Dia do Perdão. Para tanto, encaminhou a Mensagem do Executivo nº 84/2021 para apreciação da Câmara de Vereadores, nessa terça-feira (30). Se aprovado, a celebração ocorrerá anualmente no dia 26 de novembro.

“O perdão alcança primeiro quem o oferta, traz paz e consolo para a alma, mostrando sempre que todos estejamos sujeitos a cometer erro e uma hora ou outra iremos precisar do altruísmo daqueles a quem fizermos mal”, disse o gestor.

Apesar de coincidir com a data em que o Poder Judiciário revogou seu afastamento, após 37 dias longe da prefeitura, a proposta usa como justificativa "os momentos tempestuosos vividos pela humanidade, onde a falta de amor, compaixão e empatia imperam. Os valores que realmente importam são perdidos em meio aos caos e disseminação do ódio".

Emanuel cita que a Constituição Federal, ao versar sobre a harmonia entre os poderes em seu artigo segundo, gera uma reflexão a respeito da real importância e o peso do voto de cada cidadão que confiou a ele a gestão de seus interesses.

“Nós, representantes do povo, precisamos dar o primeiro passo e agir de maneira harmônica com colaboração mútua e perdão sempre que necessário, para que, a partir dessa integração entre os poderes, as gerações que nos sucederão e a que hoje representamos não sejam lesadas em suas necessidades, para que todo nós tenham dignidade”, concluiu Pinheiro.

Após apreciação dos vereadores, se aprovado, a mensagem retorna para o Executivo para sanção e tornou o projeto em Lei Municipal.
 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet